Estamos vivendo tempos conturbados. Isso não significa que sofrer seja uma premissa. Charles Darwin disse: “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”.O que dificulta a vida dos empreendedores é a resistência a mudança. Você vai mudar, por bem, ou forçadamente.

Quando o empreendedor faz a decisão de não lutar contra os movimentos da economia, do mercado, do novo cenário que se apresenta, ele está decidindo parar de sofrer.

Sempre que ocorre uma mudança, ela altera o que nós estabelecemos como padrão de normalidade, às vezes destrói os processos que demoramos anos para construir e aperfeiçoar.

O problema é que, no mundo moderno, as mudanças são tão grandes e tão rápidas que, às vezes, nem dá tempo de acabarmos de implementar um novo processo e já é hora de mudar novamente.

Para fazer frente a mudanças permanentes, temos que nos convencer de que, tudo o que orbita o nosso negócio, tem que mudar junto, tem que ser tão flexível quanto a demanda da atualidade.

As mudanças podem ser de caráter tecnológico, econômico, social ou até algo inesperado, que vem sem pedir licença, como foi o caso dessa pandemia que assola o mundo.

A ordem do dia é cuidar do negócio terceirizando todas as atividades, importantes ou não, que não fazem parte do core business.

Portaria, segurança, serviços gerais, contabilidade, tecnologia da informação, advocacia, segurança do trabalho, auditoria, cobrança, transporte e, em alguns casos, até o comercial. São só algumas áreas que o empreendedor terceiriza, e às vezes, nem percebe que terceirizou. Contrata um escritório de advocacia para conferir os contratos, uma empresa de serviços gerais para manter tudo funcionando, um contador, uma empresa de segurança e uma empresa de sistemas. O negócio é confecção de uniformes e ele tem tudo isso terceirizado. Tem mais terceiros que empregados. Imaginando uma empresa de uniformes com 3 costureiras e todas as atividades orbitais terceirizadas, ela terá 3 empregados e perto de 10 fornecedores de serviços terceirizados. Qualquer um desses terceiros que apresente baixa qualidade, comprometerá a imagem ou o resultado da empresa.

Veja a importância de ter uma empresa que preste serviços alinhada com seus objetivos, comprometida com seus resultados.

A VGT e VOCÊ – A parceria entre a OPORTUNIDADE e a PREPARAÇÃO.
Definição de SORTE: O encontro entre oportunidade e preparação.
A
oportunidade aparece e você não está preparado, nada acontece.
D
a mesma forma, estar preparado e sem oportunidade, nada acontece.
I
nvariavelmente, oportunidades são percebidas por empreendedores.
V
ocê encontra a oportunidade, a gente te ajuda a estar preparado.
A
VGT Tecnologia está sempre ao seu lado.

 

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *